Vicente de Mello: Pli Selon Pli

Sesc 24 de Maio - SP
2017

O título do trabalho evoca a peça homônima de Pierre Boulez, composta entre 1957 e 1962. A sonoridade da peça sugeriu ao artista uma sequência fotográfica de flashes emulsionando filmes velados em interferências de luz breves e marcantes. Mello executou a ideia fotografando postes de iluminação em Varsóvia, na Polônia. Observados contra um céu neutro, esses objetos se reduzem a um traço, parecendo desenhos. Ao duplicá-los nas fotos e imprimi-los em azulejos, o artista construiu uma espécie de partitura musical errática, propondo uma modulação de formas com diversos ritmos, como nos painéis de Athos Bulcão.